segunda-feira, 30 de abril de 2012

Será que vem o friozinho ?

Por: Thiago Barroca

Os cardigãs lindos

Estava passando pelo corredor do shopping quando vi um cardigã lindo com estampa de óculos.
Parei pra tirar uma foto dele, e descobri que haviam outros modelos tão lindos quanto.
Daí resolvi fotografar todos para mostrar aqui no blog.

Outra cor da mesma estampa:


O modelo mais romântico, com bordado de pérolas. Lembra da Mallu Magalhães no clipe Velha e Louca


Muito fofo, de coraçãozinho


Mais corações…


E mais ainda, agora num modelo curtinho:


Pra terminar, o de oncinha colorida:

Difícil escolher o mais lindo, né?

Febre de Sapatilhas da Karmélia

Texto Por Carolina Barroca
Fotos Por Thiago Montenegro


Quem está procurando boas e baratas opções de sapatos, a Karmélia é sempre uma boa opção.

A marca começou comercializando poucas peças de calçados e acessórios, numa garagem,  aqui mesmo em João Pessoa.

Hoje, a marca tem um portifólio incrível de calçados e acessórios, como vamos mostrar aqui.

Neste post, mostramos as sapatilhas, lindas, com aplicações em pedraria ou outros detalhes que fazem a diferença. As com pedrarias e caveirinhas são um luxo só... a cara do Herchcovitch!

A média dos calçados vai de R$ 50,00 a R$ 100,00, dependendo do material e do modelo.
É possível achar belos scarpins por no mínimo R$ 62,00.

Levando em consideração que muitos modelos usam couro, o preço é realmente imbatível!!

Além do mais, a Karmélia usa a lógica do fast fashion... como a demanda é grande, quase toda semana chega novidade, com a cara do que está na moda e nos pés do mundo todo.

Confira e corra, porque toda mulher realmente tem uma paixão verdadeira por sapatos!








domingo, 29 de abril de 2012

SLIPPERS NA RENNER

Por: Thiago Montenegro

Uma peça em destaque é a Slipper, um pouco sapatilha, um pouco mocassim e um pouco esquisita a primeira vista, o novo sapato já pegou. Prova disso é que até a Renner comprou a ideia e disponibilizou vários modelos bem legais e com o preços bacanas.




Não é novidade que as estampas de cobra continuam fortes nesse inverno, né? Essa é super elegante. Não sei ao certo, mas acho que o preço é R$99,00.



Essa também é a cara da riqueza, em um look de trabalho.



Essa é pra quem curte um glitter! Essa da Moleca era mais barata que as outras, cerca de R$69. A frente é super bonita, mas não gostei muito do solado. Sabe quando é feita com um plastico meio grosseiro ?




amfAR

Por: Thiago Montenegro

amfAR

Aconteceu em São Paulo a noite o amfAR, um jantar beneficente para parceiros que ajudam a Fundação de pesquisa contra a AIDS. Grace Jones estava entre as atrações principais da noite estrelada, que contou também com a presença de outros nomes internacionais, entre eles a selvagem Sharon Stone e a loiríssima Debbie Harry. O tapete vermelho recebeu uma explosão de garotas dignas de uma noite de Oscar. Todas carregadas de joias, clutches e tudo que a gente mais adora.  Julia Petit com o longo de um ombro só Miele e na sequência, Ana Claudia Michels e sua beleza gótica para combinar com o Givenchy, Isabeli Fontana apostou no mullet e Didi Wagner no look masculino, com look vintage da Yves Saint Laurent.



As coloridas também surgiram em peso. Entre elas, Sharon Stone encantada com a beleza tropical do Brasil iluminou o tapete vermelho a bordo de um longo super decotado nas costas e todinho bordado de paetês amarelos. Fernanda Motta comoveu o pit dos fotógrafos com o longo de corpete luminoso da Maris. A princesinha Paola de Orleans foi uma das mais criativa, com longo recortado da Gloria Coelho. Sabrina Sato foi bem fresquinha, com um longo cereja marcado por um cinto bordado com pedras vermelhas.



Renata Kuerten estreou as madeixas descoloridas também na tendência do longo de um ombro só todinho bordado. Carolina Magalhães viveu seu momento Natalia Vodianova com um longo transparente e rendado. Laura Neiva de look Chanel, apareceu acompanhada de ninguém menos que Mario Testino. A surpresa da noite foi a linda acompanhante do Brothers Spins, dupla que comandou o som da festa nas pick ups.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

CONJUTINHOS

Por: Thiago Montenegro


A gente tem visto muito – nas passarelas e no maravilhoso mundo da internet – umas moças usando tudo bem combinadinho. Parte de cima e parte de baixo com o mesmo tecido/estampa. Já perceberam?
Os conjuntinhos apareceram nos desfiles e ganharam as ruas.
Não é toda tendência dessas que me conquista, mas esse estilo me agrada um muito. Acho que porque carrega a memória de um dos períodos que eu acho mais fantásticos da moda: os anos 70.
Separei algumas imagens para inspirar vocês a usarem esse estilo. Algumas delas a gente percebe que são impraticáveis no clima do Nordeste, mas os conjuntinhos com camisa leve e shortinho são bem possíveis.


Huis Clos para Riachuelo

Por Carolina Barroca

Já chegou desde a última terça-feira a coleção exclusiva da Huis CLos, da estilista Clô Orozco, para a loja Riachuelo.

Trata-se da campanha para o Dia das Mães, com muita alfaiataria e cortes amplos, distantes do corpo...
porém nada óbvios.

Eu e meu parceiro Thiago Montenegro fomos conferir...
Mas, surpresa!...muitas das peças do catálogo ainda não tinha chegado!

e Justamente as mais bonitas!!

Confira algumas peças:






quarta-feira, 25 de abril de 2012

Esquadrão da Moda

Por: Thiago Montenegro

No último Sábado reestreiou o programa Esquadrão da Moda 2012, e a volta da linda Isabella Fiorentino e do seu parceiro de programa Arlindo Grund.
Pelo que vi muitas cores fortes compõem o figurino de Isabella, sempre de bom gosto e como sempre sabendo dosar todos os looks.



Atenção para os colares que sempre são emblemáticos e trazem personalidade à roupa da apresentadora



Color bock + peplum + maxicolar
Look nada caretinha



Com certeza vale a pena ficar de olho e se inspirar nos looks certeiros da Isabella Fiorentino.

Maria Antonieta ( Figurino )

Por: Thiago Montenegro

Marie Antoinette (2006)

Direção: Sofia Coppola

Com: Kirsten Dunst, Jason Schwartzman, Judy Davis, Molly Shannon, Rose Byrne

Figurinista Milena Canonero
Sinopse: O filme narra a vida e as atitudes indiferentes da jovem rainha da França, contado sob o ponto de vista da própria. Maria Antonieta,  mexeu com o mundo da moda. 
Milena usou tons pastéis em tudo que pode, inclusive nas perucas, e criou um outro personagem para o filme, o próprio figurino, que nos seduz em cada fase de vida da rainha mostrada na tela.
De princesa entediada e deslocada (tons azulados e rosados), passando por rainha frívola e festeira (cores claras e quentes), até mãe sofrida e nobre decadente (tonalidades escuras e acinzentadas). 
O filme gerou uma enxurrada de editoriais de moda inspirados na rainha teen, além de torná-la adorada pelos fashionistas séculos depois de sua morte . 



 



mariaantonieta3



mariaantonieta2.
MARIE ANTOINETTE




Maria Antonieta achou que a criação de um estilo arrojado, seria um jeito de firmar sua posição perante uma corte estrangeira, cheia de tradições.

 Sendo assim, ela se tornou a mulher mais bem vestida, maquiada e penteada de seu tempo.
Os figurinos de Milena Canonero são uma prova dessa posição.

 Cada vestido da rainha consumiu aproximadamente 15 metros de tecido

 A estilista resolveu substituir camadas e camadas de renda por apliques e babados de organza e tule. Ela também evitou carregar muito nas jóias de época.

 O figurino do filme é tão opulento quanto a própria rainha, que tinha um orçamento anual equivalente a 3,6 milhões de dólares em moeda atual, apenas para compra de roupas.

 Milena usou tons pasteis de rosa, verde oliva, amarelo, marfim, azul, lavanda e coral, todos feitos em tule, organza, tafetá, seda, musselina e linho.



 Durante muito tempo, Maria Antonieta foi aplaudida e imitada, não só pelas mulheres da nobreza, mas pela população feminina em geral.
 
 No filme, a rainha, suas damas e seus fidalgos desfilam uma infinidade de roupas, sapatos e penteados elaborados.

 Manolo Blahnik, o sapateiro das estrelas, criou vinte modelos para o filme, dos quais cinco chegaram às lojas.

 Sabe aqueles penteados-esculturas que a rainha usava? Pois é, eles chamavam-se poufs, e se tornaram símbolos de sua era. 
Funcionavam da seguinte forma: o cabeleireiro montava uma estrutura de arame recoberta de lã, tecido, crina de cavalo e gaze, prendendo na cabeça e disfarçando com cabelo emprestado da madame, depois firmava à custa de pomada e talco. Por cima disso vinha o tema. 
O mais conhecido de Maria Antonieta foi o pouf à l'independence (um navio com suas quatro velas ao vento). 


 A mudança no figurino chega na idade adulta de Maria Antonieta, quando ela enfrenta a decadência da monarquia e a morte. O cinza e preto predominam com mais simplicidade. Na verdade, uma caríssima simplicidade.

 Na época do lançamento do filme, Maria Antonieta foi tema de quatro livros, um documentário e inúmeras capas de revistas de moda, com destaque para o editorial feito pela Vogue americana.